18 de set de 2018

Mega Artesanal 2018


Muitas novidades no mundo do Artesanato.




Diversas atrações, cursos gratuitos, workshop, oficinas gratuitas, pinturas em tecido, design em madeiras, feltro, reciclagem de papel, biscuit, demonstrações de novas técnicas para capacitar e incentivar aqueles que apreciam e faz o artesanato acontecer. Muitas maquinas de diversos seguimentos e entre elas as de costura, as mais modernas do mercado. Uma infinidade de artesanato em diversas modalidades, possibilitando um mundo de possibilidades que só a mega Artesanal tem.


Mochila Escolar Capitão América

Mochila Escolar Capitão América - Wenzo

mochila escolar infantil com tema Capitão América feita com tecido lona número 12, manta R1, forro tecido nylon amassado, com três compartimentos internos, local para pasta ou notebook, bolsos externos para chaves e garrafas. Desenho em patch aplique, nas cores vermelho, azul e branco.  

13 de set de 2018

Térmica Mariana

Lancheira Térmica Mariana


Title Link - https://www.artesanatoirene.blog.br/2018/09/termica-mary.html
Feita com tecido nylon amassado na cor preto grafite, manta R1, etaflon, zíper, alça,detalhe em patch aplique. Acompanha um porta talher feito com o mesmo tecido. 

6 de set de 2018

Lancheira térmica Letícia


Lancheira térmica ideal para conservar seu alimento na temperatura certa


Feita com tecido nylon amassado na cor preto grafite, manta R1, etaflon, zíper, alça,detalhe em patch aplique. Acompanha um porta talher feito com tecido tricoline na cor preto liso e preto com bolinhas amarelas, fita e miçangas. 

Quando chega a hora

Imagem do site: https://www.casasbahia.com.br/livros
Ficha técnica
Titulo: Quando Chega a Hora
Autor: Zíbia Gasparetto
Editora: Vida e Consciência
Páginas: 416
Ano: 1999
Assunto: Espiritismo
Idioma: Português
Edição: 
Curioso: lelivros.love


Zíbia Gasparetto, escritora brasileira nascida em Campinas, São Paulo em 29 de julho de 1926. Ficou conhecida por escrever seus livros através da mediunidade. Saber mais clique aqui .


Sou grata por ter tido a oportunidade de ler esse livro pela segunda vez. Lindo, encantador e com muitos ensinamentos. Sabemos que a mudança acontece constantemente, mas desconhecemos os designos de Deus, que sempre quer o nosso melhor de maneira positiva, pois somos responsáveis por tudo que acontece de bom ou de ruim em nossas vidas. A mudança vem, mas cabe a nós como podemos enfrentá-la.

Sinopse/comentário
Nico um menino de família simples observador, inteligente e com sede de aprender gosta de ajudar sua mãe e os outros, começa a frequentar o casarão com fama de assombrado na pequena vila do interior de São Paulo. Ajudando no jardim conhece o engenheiro que está preparando a casa para a chegada da família. Norberto e Eulália, que resolvem passar uma temporada na casa para cuidar da saúde de Eurico o filho mais velho do casal, para tratar de uma doença até então desconhecida.
Nico conhece Eurico e Amelinha a irmã mais nova de Eurico e juntos formam uma linda amizade.

Quando Liana a irmã de Eulália voltar de São Paulo percebe a grande melhora de Eurico. 
Então Eulália e Norberto vendo que o responsável por essa melhora é Nico, resolvem ajuda-lo nos estudos e no seu bem-estar. Juntos convence a mãe de Nico Ernestina a deixar Nico morar no casarão, pelo o bem do filho e pela educação que ele ia ter ela acaba cedendo.

O casarão é tido na pequena cidade como assombrado pelo antigo morador o Coronel Firmino que morrera há muitos anos, mas que volta e resolve aparecer para Liana que foi sua esposa no passado. Liana sem entender do que se trata fica doente e sem  forças, mas conhece Alberto um homem dedicado a espiritualidade e professor das crianças contratado pela família. Com a ajuda das crianças Alberto percebe o problema de Liana e tenta ajudar. 

Eles crescem e cada um toma seu ruma na vida, Nico tem profunda a admiração pela família que o adotou, pois agora formado e ajudando sua família percebe que lhe falta algo, pois vive em profunda angustia. Descobri que ama Amelinha, mas que não é amor de irmão. 
Ah! Não posso contar mais nada, tente ler esse lindo livro você irá se surpreender.

3 de set de 2018

Refletindo Sobre a Paz no Mundo

Como seria um mundo sem guerras, sem violência e sem medo? 

Seria um mundo onde as pessoas amariam uns aos outros?


Imagem do site https://www.ebiografia.com
Quer fazer algo para promover a paz mundial?
Vá para casa e ame sua família. 
É fácil amar os 
que estão longe, mas nem sempre a fácil amar 
os que vivem do nosso lado. Madre Tereza de Calcutá



Madre Tereza de Calcutá nascida em 26 de agosto de 1910 e morreu no dia 05 de setembro de 1997 aos 87 anos. Foi missionária católica albanesa. com 20 anos de idade entrou para a casa das irmãs de Nossa Senhora do Loreto na Irlanda. Criou a Congregação Missionária da Caridade. Foi beatificada em 2016. Informações tirada do site www.biografia.com .

Madre Tereza de Calcutá muito sábia nos revelava coisas tão simples, porém tão difícil de colocá-las em prática. Com sua infinita sabedoria deixou um legado ao mundo, ame o outro e tudo ficarás mais fácil. Então vamos promover a paz dentro de nossos lares que isso se refletirá no mundo. 

Tudo começa dentro de casa.

Quer ter felicidade? 
Promova a alegria dentro de casa com os que ama você.

Quer ter conhecimento? 
Promova a educação dentro de sua casa.

Quer ter valor? 
Promova a valorização dentro de sua casa.

Quer ter Sorte?
Promova a oportunidade dentro de sua casa.

Madre Tereza de Calcutá dedicou sua vida aos menos favorecidos, 
e acreditava que só o amor pode promover a PAZ. 

 "Temos que ir a procura das pessoas, porque podem ter fome de pão ou
 de amizade". Madre Tereza de Calcutá

Tudo começa com o amor. 


  

29 de ago de 2018

Carteira masculina

https://www.artesanatoirene.blog.br/2018/08/carteira-masculina.html
Carteira de bolso masculina feita com tecido nylon amassado, manta R1, forro também de nylon, plásticos pronto para carteira e zíper.  

Mega Artesanal 2018

Muitas novidades no mundo do Artesanato. Diversas atrações, cursos gratuitos, workshop, oficinas gratuitas, pinturas em tecido,...